<BODY>

sexta-feira, janeiro 23, 2009

Black Power

Era 1969 quando as forças de Brazzaville e Kinshasa, regiões do ex- Congo Belga, na África, iniciaram uma guerra civil. Meses antes do conflito começar, o Santos de Pelé havia assumido o compromisso de jogar contra o time de Brazzaville. Mas, para chegar até lá, a delegação era obrigada a passar antes por Kinshasa. O time foi então escoltado por soldados locais até a fronteira guarnecida por militares de Brazaville, que fizeram o mesmo até o local da partida. A chegada de Pelé havia suspendido o conflito. O time jogou e, ao retornar, foi avisado pelas forças de Kinshasa que, se quisesse deixar a região, também deveria atuar contra uma equipe do lugar. Se Pelé ainda está vivo é porque, claro, o Santos jogou. Assim que a delegação deixou Kinshasa, a guerra recomeçou.

Alguém subestima o impacto da eleição de Barack Obama no continente mais sofrido do planeta?




0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial