<BODY>

segunda-feira, março 30, 2009

Paixão Nacional

Se o seu inglês é um pouquinho melhor que o do Lula, não deixe de assistir à entrevista do presidente que foi ao ar neste domingo no programa “GPS”, da CNN, apresentado por um dos meus jornalistas favoritos, Farred Zacaria (a entrevista foi gravada semanas atrás, durante a visita de Lula à Obama). Quando digo que existe uma discrepância de percepção entre a imprensa brasileira e a estrangeira sobre o Brasil, é de exemplos como este que estou falando. Eu reforço: estamos com moral aqui fora. Até neste episódio do “brancos de olhos azuis”, tão explorado como uma gafe pela imprensa nacional, eu vi um âncora da CNBC – braço econômico da rede NBC – defendendo o Lula. No programa da CNN, Zacaria chamou Lula de “the most popular leader in the world”, citando os recém-alcançados 80% de aprovação no Brasil (Obama tem cerca de 65% nos EUA). Espere deitado se você acha que a Veja vai dar essa manchete. E como se não bastassem os dados otimistas que vêm daí, levando em consideração a pior crise econômica mundial desde 1930, existe um outro elemento que joga muito à favor do Lula aqui fora: a tradução para o inglês. É de conhecimento geral que o nosso presidente tem a oratória de um jogador do Flamengo mas, com suas respostas re-articuladas e traduzidas para o inglês, você só lembra disso se pescar uma ou outra palavra dele entre as pausas do tradutor. Minha opinião sobre o presidente Lula é pragmática: ele está longe de ter feito tudo que poderia pelo Brasil mas fez, também de longe, o melhor governo desde a redemocratização do país. Os números estão aí. Mas quem sou eu? Apenas um entre os 80% da população. Que continuemos dando atenção aos outros 20%. Ainda estou procurando alguma menção à esta entrevista no Globo Online. Tudo que encontrei foi mais um artigo de relações públicas, requentado e tendencioso, na capa, sobre o caso Sean, citando “uma entrevista de Lula à CNN” – sem dizer qual nem quando foi ao ar. Detalhe: o caso Sean não foi sequer citado na entrevista de Zacaria.



Veja a entrevista completa AQUI.




10 Comentários:

Anonymous Gustavo Barcellos disse...

"ele está longe de ter feito tudo que poderia pelo Brasil mas fez também, de longe, o melhor governo desde a redemocratização do país"

Compartilho do mesmo pensamento!
Mto bom cara, continue assim...rs

Abração.

9:21 AM  
Blogger Losfer disse...

O melhor desde a redemocratização? Diga-me o que ele fez de melhor. Melhorou a telefonia brasileira (FHC)? Abriu o mercado interno, acabando com a reserva de mercado de informática (Collor) o que possibilitou a divusão de microcomputadores? Ou será que ele implantou um plano monetário para derrubar a inflação galopante (Itamar Franco)?
Se o seu parâmetro for bolsa-familia, que é a união de vários probramas sociais, sem a exigência da contrapartida realmente social, que seria a criança na escola; ou será o pro-uni, um programa que também já existia em governos anteriores; pode ser o pacote da habitação, que promete um milhão de casas, sem data para se cumprir a meta, bom, considerando que estamos fazendo atualmente menos de 200 mil por ano, quem sabe no próximo governo o pais alcançará essa meta.
O governo Lula nada mais é que marketing, que o povão gosta, pois tem bolsa-familia e pro-uni, mas que um dia o país pagará a conta. Ou já está pagando, com Renan Calheiros, Sarney, Jader Barbalho e outros PMDBistas como 'cumpanheiros' do governo petista.
Cuidado, afinal, toda unanimidade é burra. Veja que até mesmo o glorioso flamengo não o é.

9:27 PM  
Anonymous Alexandre Motta disse...

Daniel, beleza? Aqui é o Alexandre Motta, do Rio. Acho que eu já vi a sua pasta. Belo texto. É isso mesmo, tem uma implicância nativa com o barbudinho que, felizmente, o resto do mundo não compartilha. Assino embaixo. Lula é que nem o Josiel: não é lá essas batatas fritas todas, mas resolve. Grande abraço.

10:00 PM  
Blogger Daniel Xavier disse...

Losfer,

Eu acho que você não entendeu o para-choque do caminhão citando Nelson Rodrigues. 80% não é unanimidade, é maioria.

Bro, sério, não vou entrar numa discussão com alguém que abre dizendo que o Collor é melhor, desculpa. Vamos falar sobre o Flamengo porque, pelo que parece, é a única coisa que a gente concorda.

Leiam Luiz Carlos Azenha, Paulo Henrique Amorin e Luis Nassif!

Abs!
:D

(O espaço continua aberto para opiniões diferentes com posturas amistosas)

10:28 PM  
Blogger Daniel Xavier disse...

Viu minha pasta sim, Mota. Valeu pela visita!

Abs!
:D

11:25 PM  
Anonymous Paulo disse...

Eu penso que no fazer uma avaliaçao de governo - e assim entender a nossa ''resposta'' nas eleiçoes, é necessario colocar algumas premissas, que eu diria:

1) Existe um governo, notadamente do PT com outros;
2) Existem personagens da estrutura de governo, como o Gilmar Mendes, (Quem sabe quem é e o que fez ultimamente??) por exemplo, que nao só nao é governo, mas atua no interesse proprio e de um grupo, e tem poder e influencia tanto ou mais que o proprio presidente; juntamente com este personagem, coloco o Congresso de um modo geral, com os corruptos e com os corruptores, entre os quais o Sr. DD (Daniel Dantas: quem sabe quem é e...?)

Agora, a minha questão é: o Brasil como um todo percebeu que existe hj uma PF que esta fazendo um trabalho que aparece; desde que me conheço por gente, é a primeira vez q acontece (isto tem talvez 6 anos... ou 5...?) e por coincidencia tem mais ou menos o tempo do Lula no governo; acontece que a PF coloca na cadeia personagens como o DD (não preciso citar outros...) repito, coloca 2 VEZES o Sr DD na cadeia e o Sr. Gilmar Mendes solta 2 X o cara... e PARALELAMENTE, A MÍDIA E UMA CLASSE POLITICA COMPROMETIDA COM O ''BRASIL" , se esforça em desestabilizar a PF e os juízes que trabalharam em consonância...

Volto pra questão que me assombra estes últimos meses: o pouco que o Lula fez, foi suficiente pra receber uma campanha contra ele que chega a ser ridícula... o reconhecimento do Lula como estadista, como político, como administrador, como gerenciador de crises vem da CNN, da NEWSWEEK,,, dos premios que recebeu na Espanha, etc... Na questao política, me explico chamando a atençao que ele bateu no W D Bush como poucos, disse publicamente que ele estava errado, foi contra a guerra no Iraque e no entanto na entrevista na CNN o reporter pergunta como ele conseguiu ser amigo do Bush e agora amigo do Obama...? Sem ser subserviente, sem "pieguismos" como diriam os italianos... A Newsweek disse em Janeiro que ele esta entre os 50 mais influentes do mundo e justifica:
"recebeu um pais destruido, com dividas... e hj tem um superavit de 200 bi... e uma posiçao sempre mais influente no mundo.."

Portanto, nao nos iludamos: neste contexto de Brasil, onde o Congresso, como um todo e com raras exceçoes, trabalha para o interesse próprio, não está "nem aí" para o que acontece fora do paraíso deles, de castelos e de propinas, nao está nem ai para a falta de saneamento basico, falta de hospitais e médicos, de escolas... etc... neste contexto, o Presidente Lula fez e MUITO, porque fez "SOZINHO" , RESSALTANDO QUE EXISTEM OUTROS DE VALOR, como o Celso Amorim, como alguns deputados e senadores, mas não são o esteio do trabalho do Lula, pelo menos não parece.
Pra terminar, o conceito de Democracia de Lula está muito à frente da classe política presente no congresso, pelo menos é o que percebo quando rebate as criticas do entrevistador, que não deu moleza nao, praticamente o entrevistador insistiu que o Lula deveria ter um posicionamento que justificasse ''uma invasão" na Venezuela... enquanto que - parece inacreditável - mas sabemos quantas invasões os EUA fizeram e os resultados que eles obtiveram...

Portanto, em termos de evoluçao no estilo de governar, acho que nao é necessario dar outros exemplos, mesmo se, como diz o Marcello, "o Lula nao é santo", eu acrescento, ''nao é santo mas vai pro paraíso''...

A questão que me preocupa hoje é a JUSTIÇA: 4 FEIRA O PROTÓGENES VAI TER QUE SE EXPLICAR e nestes dias o Juiz De Sanctis também deve se explicar... Engraçado que o Gilmar Mendes nao precise se explicar...

outra questão é em relaçao à IMPRENSA... qual a imprensa que acompanhamos? quais AS IMPRENSAS?

GLOBO = OGLOBO = VEJA = ESTADAO = JB

FOLHA = ?

JORNALISTAS:

NOBLAT = MIRIAM LEITAO = ???

7:52 AM  
Anonymous David disse...

http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2009/03/29/lula-eu-nao-acredito-que-deus-tenha-colocado-obama-neste-cargo-por-nada-755051111.asp

9:27 PM  
Blogger Daniel Xavier disse...

Também encontrei este artigo mais tarde. Estava no rodapé da notícia sobre o Sean (que estava na capa), quando deveria ser, no mínimo, o contrário, não? De qualquer maneira, valeu pelo update.

Abs!
:D

9:44 PM  
Anonymous luiz thaumaturgo disse...

O que mais incomoda aos brasileiros é termos q aturar os senhores feudais da moralidade FHC,Serra e ACM netos da vida,destilarem seu ódio contra o povo brasileiro.Quantos CEFETs ou universidades o sociólogo fez?Nada.Em seu governo,escolas técnicas não poderíam ser construidas.Pode?Até um nome já tinham para a nossa querida "PETROBRÁX".Chamam os nordestinos de "esfomiados",q recebem esmola.Mas não tem coragem de dizer num programa eleitoral que vão acabar com o Bolsa-esmola.Frequentam as botiques d luxo ou colocam seus filhos como funcionários fantasmas do senado.Vulgo "casa da bagunça",segundo Luciana Cardoso.A filha arrogante do Farol de Alexandria FHC.Mas ela pode ser fantasma,enquanto por "inVeja" o filho do Lula,q tem CPF,é chamado de "Ronaldinho" de forma maldosa.é por estas e outras q em 2010,é sola de novo.Além de votos,fala à vcs caráter.Parabéns pela coragem de dizer o q pensa.Saudações.

12:29 AM  
Blogger Losfer disse...

Na entrevista da CNN o reporter também pergunta para o Mula, quer dizer Lula, (afinal, se o Lula pode chamar o Obama de Obrahma, eu também posso trocar uma letrinha no nome do nosso presidente, né?) sobre a 'democracia' venezuelana. O reporter inclusive destaca se o Mula, quer dizer, Lula, não gostaria de ser reeleito infinitas vezes. Cade o grande estadista que foi contra o Bush e agora é subserviente ao ditador Chavez? Será que o Lula não sabe que a base da democracia é a possibilidade de alternância de poder, e que por conta dessa mesma democracia ele está onde está.

Outra coisa, Daniel, eu não disse que Collor é melhor que o Lula. Disse que no governo dele abriu-se o mercado interno para o externo, e que hoje temos no Brasil um acesso maior aos bens de informatica por conta disso. Foi um ponto positivo no governo Collor que gerou um impacto social até hoje. O mesmo raciocionio se aplica para o plano real de Itamar Franco. Agora no governo Lula, o que foi que ele fez de tão revolucionário???

Quanto ao que vocês falaram sobre a PETROBRAX, vejam o exemplo da Vale. Hoje ela dá muito mais renda para o estado por meio de impostos do que antes, quando era gerida pelo estado. O problema de uma estatal é que os cargos internos são repartidos entre os partidos da base do governo, e isso ocorre toda vez que muda a base do governo. Seja qual for o governo, é ruim para a empresa essa forma de administração pois ela não tem politicas de longo prazo.
No meu ponto de vista, a Petrobras na iniciativa privada daria muito mais recursos para o país do que na mão do governo. E não teriamos que bancar o fundo de pensao deles.

1:44 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial